Detran notifica 30 motoristas por ausência de cadeirinha em Manaus

Fonte: Portal Amazônia

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran/AM) já totalizaliza 30 notificações contra motoristas flagrados transportando crianças sem o uso obrigatório das cadeirinhas em carros de passeio em Manaus. O condutor que descumprir a legislação pode ser multado em R$ 191,50, além de receber sete pontos na Carteira de Nacional de Habilitação (CNH).

Conforme a Resolução 277 do Conselho Nacional de Trânsito  (Contran), o uso do equipamento passou a ser obrigatório em todo o país desde o dia 1º deste mês.  De acordo com o chefe do setor operacional do Detran/AM, Wendel Menezes, cinco condutores foram notificados em Manaus no primeiro dia de fiscalização. Segundo ele, os flagrantes ja ocorreram nas avenidas Torquato Tapajos, Mario Ypiranga Monterio e Avenida Governador José Lindoso (Avenida das Torres).

Wendel explica ainda que, após a constatação do flagrante, o agente de trânsito lavra o auto de infração e o condutor tem até 30 dias para recorrer junto ao Detran/Am. Segundo ele, caso o condutor não recorra ou seja identificado pelo órgão como irregular, a notificação é transformada em multa. Segundo ele, qualquer condutor flagrado transportando crianças de até sete anos e meio de idade sem o equipamento de segurança (bebê-conforto, assento de elevação ou cadeirinha) recebe notificação.

Motoristas alegam falta do produto no mercado

Segundo Wendel, após serem notificados alguns motoristas atribuem a ausência do equipamento nos veículos a escassez ou alto valor das cadeirinhas no mercado. Ele informou que os únicos veículos isentos da legislação da cadeirinha são ônibus do transporte coletivo, escolar e táxis.

“Os condutores têm que se adequar a legislação. Todo veículo que for transportar crianças de até sete anos e meio tem que ter o bebê conforto, cadeirinhas ou assento de elevação. A lei foi divulgada com antecendência em todo o Brasil, fizemos panfletagem em Manaus e agora a lei tem que ser cumprida, até para garantir a segurança das criança nos veículos”, explicou.

O Portal Amazônia consultou lojas especializadas na venda dos equipamentos em Manaus. Os dois estabelecimentos informaram que não dispõem de nenhum modelo do assento de elevação ou da cadeirinha. Segundo os funcionários, a venda do equipamento se esgotou na última semana devido a grande procura. Atualmente as lojas dispõem apenas do bebê conforto. O único modelo disponivel custa R$ 339,50.

Até a semana passada, quando as lojas ainda tinham assento de elevação e cadeirinha à venda, os preços dos modelos variavam entre R$ 489,  R$ 539 e R$ 837.  As lojas informaram ainda que os equipamentos são importados de São Paulo e devem chegar a cidade na próxima semana. Em alguns Estados e em sites de vendas na internet o preço da cadeirinha varia de R$ 250 a R$1,3 mil.

Anúncios
Explore posts in the same categories: Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: