A REPERCUSSÃO DA MANCHETE DO JORNAL

A MANCHETE DO JORNAL
O jornal A Crítica  teve como manchete principal “Trânsito de Manaus será privatizado”, como se nao bastasse a notícia que causou espanto aos funcionários do Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT), no corpo da matéria, o prefeito Amazonino Mendes ainda diz a seguinte frase “Esse IMTT que está aí nao merece confiança. Tem muita gente por aí pegando bola”. A afirmaçao colocava todos os funcionários do instituto em suspeiçao e a reacao, como era de se esperar foi imediata. A revolta e a insatisfacao dos funcionários só esperava algo parecido com isso para vir a tona e este era o momento perfeito.
Por volta de oito horas da manha, agentes de transito já aguardavam algums determina;cao sobre o que seria feito. O Sindicato dos Agentes de Fiscalizacao de Trânsito e Fiscais de Transporte (Sindtran) tomou a frente do movimento e

Imprensa começou a cobriri os acontecimentos ainda na sede da Aparecida

Imprensa começou a cobrir os acontecimentos ainda na sede da Aparecida

O jornal A Crítica  teve como manchete principal ontem (11/09)  “Trânsito de Manaus será privatizado”, como se não bastasse a notícia que causou espanto aos funcionários do Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT), no corpo da matéria, o prefeito Amazonino Mendes ainda diz a seguinte frase: “Esse IMTT que está aí nao merece confiança. Tem muita gente por aí pegando bola”. A afirmação colocava todos os funcionários do instituto em suspeição e a reacão, como era de se esperar, foi imediata. A revolta e a insatisfação dos funcionários só esperava algo parecido com isso para vir à tona e este era o momento perfeito.

Por volta de oito horas da manhã, agentes de transito já aguardavam algums determinação sobre o que seria feito. O Sindicato dos Agentes de Fiscalização de Trânsito e Fiscais de Transporte (Sindtran) tomou a frente do movimento e organizou uma reunão com os presentes para encaminhar as ações do dia. Decidiram por fazer uma carreata até a sede do IMTT na Rodoviária e, de lá, iriam à sede Prefeitura.

Ainda na base do bairro Aparecida, parte de setores da imprensa, já cobriam os acontecimento: Rádio CBN, Jornal A Critica, TV Em Tempo e TV A Critica colhiam depoimentos dos funcionários sobe as condições de trabalho e os problemas de saúde enfrentados em decorrência das atividades realizadas nas ruas da cidade.

Anúncios
Explore posts in the same categories: Imprensa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: